Terça-feira, 27 de junho de 2017
O que é posse responsável?
15/07/2008

Posse Responsável:

A vida com os animais de estimação fica mais alegre, mas implica em muitas responsabilidades.

Um filhote geralmente chora muito quando chega na nova casa, faz as necessidades em lugares inadequados, precisa de cuidados extras com saúde, alimentação higiene e educação. Neste período precisa ser supervisionado mais especialmente e durante toda a vida vai precisar de um tempo de atenção, e gastos para garantia da saúde de todos.

Animais já adultos embora nem sempre preferidos podem oferecer a vantagem de já estarem educados, algumas vezes já são até vacinados e pode-se pular algumas etapas de socialização que nem todos os futuros proprietários apreciam. E assim você pode evitar com isso que um animal abandonado seja sacrificado.

No geral animais adultos oferecidos para adoção com boa índole atestada, são muito agradecidos e companheiros.
Cães e gatos quando envelhecem, tais como as pessoas, tendem a dormir mais, a ter mais lentidão, a perder a acuidade visual e auditiva, ficam sujeitos a várias doenças da velhice, como cardiopatias, tumores, obesidade, diabetes, que assim como no homem, também vão se instalando. É muito importante que sejam cuidados e sejam acompanhados pelos donos até o final. É uma fase difícil que precisa de supervisão especial.

Veja abaixo os 9 itens obrigatórios para quem tem ou quer adotar um cão ou gato:

1. Mantê-lo SEMPRE nos limites domicílio, solto no quintal. NUNCA solto nas ruas ou preso em correntes.

2. Vaciná-lo anualmente, quando adulto, contra a raiva e as demais doenças. Vaciná-lo mensalmente quando filhote.

3. Vermifugá-lo, quando filhote, a partir dos 20-30 dias de idade. Quando adulto, semestralmente ou anualmente.

4. Esterilizá-lo / castrá-lo para impedir que tenha crias indesejadas. Poderá ser feita a cirurgia a partir de 30 dias de idade.

5. Socializá-lo com outros animais e com toda a família.

6. Passear diariamente, levando-o com coleira e guia.

7. Manter a limpeza do local (lavar o quintal, recolher dejetos) e a higiene do animal (banhos sempre que necessário)

8. Levá-lo ao veterinário sempre que necessário.

9. Dar afeto e carinho.



Copyright © 2005–2008 ONG - Animal & Natureza. Todos os direitos reservados.